SportSports Portugal

VOLTA A PORTUGAL – ANTÓNIO CARVALHO VENCE NA SUBIDA À SENHORA DA GRAÇA

Na derradeira prova de esforço ao alto do Monte Farinha, o trio da Glassdrive-Q8-Anicolor levou a melhor ao cruzar a meta em conjunto.

António Carvalho venceu e levou na roda Frederico Figueiredo e Maurício Moreira até ao topo do Monte Farinha, em Mondim de Basto. O trio da Glassdrive-Q8-Anicolor tomou conta da Senhora da Graça, este domingo, dando mais uma vitória à equipa (a quarta) na 83ª Volta a Portugal Continente.

“Vencer aqui é muito especial, bisar é ainda melhor”, disse António Carvalho referindo-se ao triunfo obtido em Mondim, em 2019. “Tínhamos uma tática planeada. Agradeço à equipa porque o objetivo era eu vencer a etapa. Queríamos defender o primeiro e segundo lugar. A Geral está em primeiro lugar, mas na reunião ouvi os meus colegas dizer que eu merecia esta recompensa. Muito obrigado a eles”, salientou sorridente.

A nona etapa foi totalmente controlada pela equipa dirigida por Ruben Pereira que obteve os três primeiros lugares e tornou-se agora ainda mais evidente, a faltar o contra-relógio final, que o triunfo na Volta não lhe deverá escapar. O uruguaio Maurício Moreira é apontado como favorito por ser especialista no terreno que falta cumprir, apesar de ser segundo na Geral, a sete segundos do companheiro Frederico Figueiredo que ainda ficou com a Amarela Continente.

Ao perder tempo na subida, o terceiro da Geral, Luis Fernandes (Rádio Popular-Paredes-Boavista) não só ficou mais longe da frente como colocou em risco o pódio final porque o rival mais direto, António Carvalho, ganhou-lhe margem e ficaram separados apenas por 29 segundos.

Contrarrelógio Fecha Festa do Ciclismo

Faltam apenas 18,6 quilómetros para conhecer em definitivo o vencedor da 83ª Volta a Portugal Continente. É a distância que separa a partida da 10ª Etapa no Porto e a meta em Gaia. O contrarrelógio individual desta segunda-feira é relativamente técnico, mas sem grandes oscilações no terreno. Um a um, os corredores estarão em prova pela ordem inversa à classificação, partindo de minuto a minuto, com exceção dos últimos dez que saem de dois em dois minutos. O primeiro corredor na estrada parte às 15h06. O Top Dez começa a aparecer às 16h42 quando partir Henrique Casimiro (Efapel Cycling) e, por fim, o Camisola Amarela Continente, Frederico Figueiredo, partirá às 17 horas chegando cerca de 25 minutos depois à marginal de Gaia, local onde serão consagrados os vencedores da Volta 2022.

Por Idalina

Leave a Reply

Back to top button